Biografia

Vasco M. N. Pereira ou Vasco Pereira, nasceu em Dezembro de 1956 em Lisboa e reside em Campo Maior, Alto Alentejo.

Iniciou os seus estudos musicais em Campo Maior, com a saudosa professora D. Maria Amélia Dias, aos oito anos de idade.

Posteriormente, frequentou o Conservatório Regional da Covilhã, aí realizando os dois primeiros anos do Conservatório. Continuou os seus  estudos musicais em Espanha, nos Conservatórios Superiores de Música de Badajoz, Sevilha e Real Conservatório Superior de Música de  Madrid, especializando-se em Piano, Composição e Instrumentação e, Direcção de Orquestra. Particularmente, estudou Direcção de Orquestra  com o maestro Francisco Navarro Lara, em Córdoba.

Em 1996 fundou a “Orquesta Luso – Española” que dirigiu até 2009, para se dedicar a outros projectos dedicados à música de câmara com  agrupamentos mais pequenos e, principalmente para se dedicar à composição. Esta orquestra tinha a particularidade de ser constituída por    jovens músicos portugueses e espanhóis. O seu repertório abarcava todas as épocas e estilos, desde a “Música Barroca” até à “Música Contemporânea”. Desta orquestra saíram muitos jovens músicos para orquestras e bandas professionais.

É membro desde a sua fundação da “Asociación de Compositores de Extremadura” e, colaborador, quer como conferencista quer como músico,  do “Ateneo de Badajoz” em Espanha. 

Em 2009, fundou a “Ad Septem Ars – Associação Cultural de Campo Maior”, associação dedicada à promoção e divulgação da Arte e Cultura  Portuguesas.  Ainda em 2009, fundou o “Ensemble de Flautas de Bísel” dedicado à Música da Renascença e Barroca. 

Em 2011 funda a CAMERAʇtA IBÉRICA, da qual é o director artístico e musical e, também o arranjador e compositor residente. Este ensemble está dedicado aos arranjos de música sinfónica/orquestral e à música contemporânea. Está formado por músicos espanhóis e portugueses. A  sua formação instrumental actual é: 2 saxofones, 1 clarinete, 1 trompa e piano.